Consultora de comunicação e entusiasta dos efeitos da tecnologia e da internet sobre sua área, foi indicada para o Prêmio Mulher Imprensa 8ª. edição pelo seu blog Mosaico Social. Dá workshops e aulas de mídias sociais e está a um google de alcance.

Votenaweb: aversão de brasileiro à política é passado

O horário eleitoral chegou às TVs e rádios, mas é na internet que os jovens procuram informação.

23 de agosto de 2012  |  CATEGORIAS: Ângulos, Colunas

Esta semana, com o início da propaganda eleitoral no Brasil – que em 2012 elegerá cerca de 15,5 mil prefeitos e sub-prefeitos, e quase 450 mil vereadores em todo o País – a política passa a ser a bola da vez em rodinhas de conversa off e online. Um dos destaques fica por conta da crescente participação da população (notadamente entre os jovens) na discussão em torno do tema, fato sobre o qual a proliferação das redes sociais tem um impacto bastante forte, senão preponderante.

Por isso não é de se espantar o sucesso da iniciativa do site Votenaweb. Ele foi criado em novembro de 2009, pela Webcitizen de Fernando Barreto como um espaço por meio do qual qualquer cidadão pode votar e opinar (via fórum de discusões) sobre os projetos de lei que tramitam nas duas casas do legislativo e acompanhar como votaram os parlamentares.

Votenaweb

(imagem: votenaweb.com.br)

Com as informações dos projetos de lei “traduzidos” em linguagem de fácil compreensão, não é de se espantar que, em menos de três anos de história, este ambiente colaborativo de diálogo aberto, respeitoso e, acima de tudo, democrático, já tenha quase 30 mil pessoas comentando, votando e discutindo política. Mais que isso, a experiência do Votenaweb tem provado, entre outras coisas, que a falta de interesse do brasileiro em relação à política é coisa do passado.

Os jovens estão interessados em informações sobre as leis que interferem diretamente a vida de todos nós e sentem-se à vontade para se expressar, debater ideias e até mesmo mudar de opinião após ouvir os argumentos dos outros participantes.

(Fernando Barreto)

Fernando Barreto

(foto: Fernando Barreto | Vote na Web)

“O Votenaweb nos mostrou que o brasileiro se interessa por política, e cada vez mais demonstra vontade de participação nas questões de interesse coletivo. Esta geração tem consciência dos problemas e não está de braços cruzados. Muitos estão incomodados com a realidade e querem que no futuro o Governo deixe de ser visto como uma ‘vending machine’, onde você coloca o dinheiro dos impostos e retira serviços como saúde ou educação. Estamos na transição da democracia direta para a participativa – na qual cidadãos e governos construirão juntos o futuro”, expressou Fernando Barreto. Para ele, os participantes do Votenaweb criam um maior senso de pertencimento que estimula esta participação. “E ela tem o poder de transformar muitas coisas”, acredita.

Com milhares de eleitores cadastrados no site atuando como “coadjuvantes dessa nova forma de se envolver com a política e colaborar com a democracia no Brasil”, o VotenaWeb quer mais: entre as metas está ser a ponte entre cidadãos brasileiros e seus representantes políticos para melhorar a qualidade de vida do País.

Conversei rapidamente com Fernando Barreto, que fala, a seguir, um pouco dos bastidores por trás do VotenaWeb.

Vany Laube (VL) – Quais as maiores dificuldades ou empecilhos existentes no processo de entrada de dados?

FB – Todos os dias parlamentares criam uma quantidade enorme de projetos de lei; nossa equipe trabalha para inserir na plataforma o maior número possível, seguindo alguns critérios: a prioridade é contemplar todos os projetos de 2012 e, pelo menos um projeto (o mais recente) de cada um dos 680 parlamentares. Depois de todos esses projetos vamos inserir, aos poucos, os demais projetos anteriores a 2009.

VL – Mas o site dispõe de alguns projetos que são anteriores a 2009. Por quê?

FB – Isso aconteceu devido ao grande número de pedidos de usuários ou porque consideramos de alta relevância para a sociedade, ou porque o tema está em destaque na mídia.

VL – E como se dá este processo de inserção?

FB – A inserção é feita pela equipe, que lê atentamente cada um dos projetos e produz os resumos a partir das íntegras dos projetos de lei disponíveis nos sites oficiais da Câmara dos Deputados e no Senado Federal.

VL – Na sua opinião, o cidadão está mesmo sentindo-se mais escutado? E está participando mais do jogo político de votar, acompanhar, cobrar e solicitar mais dos políticos por ele eleitos?

FB – 20% do público do Votenaweb tem entre 14 e 20 anos. Grande parte votou pela primeira vez nas eleições passadas. Ou seja, os jovens estão interessados em informações sobre as leis que interferem diretamente a vida de todos nós e sentem-se à vontade para se expressar, debater ideias e até mesmo mudar de opinião após ouvir os argumentos dos outros participantes. Os brasileiros estão avançando com o processo democrático por meio da internet. Diversos aplicativos, como o Votenaweb, são importantes ferramentas que contribuem com este fenômeno. Não só os brasileiros, mas inúmeras nações já descobriram que a internet pode contribuir de maneira significativa com a construção da consciência política.

VL – Quais as expectativas de crescimento do site para este ano e o que a Webcitizen está fazendo de novo para consolidar o site como representativo do interesse do cidadão em tê-lo como centro de discussão politica?

FB – Estamos em um processo de criação da Fundação Webcitizen que poderá receber investimentos de entidades de todo mundo interessadas em contribuir com a expansão da plataforma. Além disso, estamos reformulando alguns aspectos técnicos para permitir a replicação da plataforma nas esferas municipais, estaduais e até mesmo em outros países. Para isso, criaremos um modelo de licenciamento para permitir que cidadãos engajados levem o Votenaweb para sua cidade e, assim, consigam atrair a participação a partir de leis municipais que interferem de forma mais direta na vida das pessoas, já que está num universo mais próximo possível.

Os Números do Votenaweb:

  • Cidadãos cadastrados: quase 30 mil membros
  • Votos:quase 500 mil votos
  • Comentários: 21 mil

 

Links: Votenaweb | Webcitizen

+ Mais | Ângulos, Colunas
Leia também outras postagens relacionadas a este conteúdo
  • Comentários ()
    Participe, comente, compartilhe conosco o que você achou